Pernambuco
Publicada em 14/11/19 às 14:30h - 24 visualizações
Com 318 pessoas assassinadas em outubro, Pernambuco registra 2.881 homicídios em 2019
Segundo a Secretaria de Defesa Social, número em dez meses é 19,2% menor que os 3.566 contabilizados entre janeiro e outubro de 2018.

Rádio Inajá FM


Em outubro, 318 pessoas foram assassinadas em Pernambuco, uma diminuição de 4,79% em relação aos 334 do mesmo mês de 2018, segundo os números divulgados nesta quinta-feira (14) pela Secretaria de Defesa Social (SDS). Nos primeiros dez meses de 2019, foram registrados 2.881 homicídios, número é 19,2% menor que os 3.566 casos contabilizados entre janeiro e outubro de 2018 .

A SDS apontou que o mês de outubro foi o 23º com redução no total de homicídios. Ao todo, 79 municípios e o distrito de Fernando de Noronha não tiveram assassinatos registrados.

Apesar da diminuição dos assassinatos de maneira geral, houve aumento de 32,78% no número de homicídios no Agreste de Pernambuco, que saiu de 61 mortes em outubro de 2018 para 81, no mês passado.

No Sertão de Pernambuco, houve, em outubro deste ano, 32 mortes violentas. A redução é de 17,9%, já que, em outubro de 2018, houve 39 crimes desse tipo. A Zona da Mata, por sua vez, teve redução de 16,6%, saindo de 66 para 55 casos.

No Grande Recife, sem contar a capital, foram 103 crimes em outubro deste ano, número 6,36% menor que os 110 homicídios contabilizados no mesmo mês de 2018. O número de mortes violentas registradas na capital não foi divulgado.

Com relação ao período entre janeiro e outubro, o Sertão teve 28,2% de queda nos homicídios, já que houve 317 casos neste ano e 442 no mesmo período do ano passado. O Grande Recife, exceto a capital, saiu de 1.085 CVLIs nos dez primeiros meses de 2018 para 843 ocorrências neste ano, com uma redução de 22,3%.

Número de homicídios em Pernambuco em 2019

Estado apresentou redução no número de mortes violentas no período, em comparação com anos anteriores.

Fonte: Secretaria de Defesa Social
A Zona da Mata, por sua vez, somou 598 assassinatos neste ano, contra 730 no ano passado, com uma redução de 18%. O Agreste teve retração de 13,3%, saindo de 812 ocorrências entre janeiro e outubro de 2018 para 699 no mesmo período deste ano.

A maioria dos casos, segundo a SDS, foi motivada por atividades criminosas, acerto de contas e tráfico de drogas, que correspondem a 67,92% das ocorrências. Em seguida vêm os os conflitos na comunidade (11,95%), seguida dos casos de excludente de ilicitude (3,46%). Houve ainda oito latrocínios, que representaram 2,52% das mortes violentas no mês. Quanto à situação das vítimas perante a Justiça, 64% não tinham passagem pelo sistema criminal.

Violência contra a mulher e estupros
Em outubro, houve cinco casos de feminicídios, 50% a menos que as 10 ocorrências registradas no mesmo mês de 2018. No acumulado do ano, chega a 49 crimes do tipo, uma redução de 23,4% com relação aos 64 contabilizados entre janeiro e outubro de 2018.

Também foram registradas 189 queixas de estupro em outubro, 16,3% a menos que os 226 casos no período do ano passado. Houve, ainda, 3.615 casos de violência contra a mulher, 7,9% a menos que no em outubro de 2018, quando foram registrados 3.928 casos.

g1 PE.



ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:





No Ar
Amor Sem Fim com Leandro Bruno - RMT 18169/DF
Peça sua Música


Nenhuma pedido cadastrado


Top Música


Nenhuma Música cadastrada



Curta nossa página no Facebook!

Copyright (c) 2019 - Rádio Inajá FM - Todos os direitos reservados