Seja bem vindo ao nosso site Rádio Inajá FM!

Brasil e Mundo

Homem é preso por cárcere privado e violência doméstica após mulher pedir socorro com foto nas redes sociais

Policiais rodoviários receberam compartilhamento de foto de X na mão e abordaram caminhão com casal na BR-153, em Bady Bassitt (SP).

Publicada em 26/02/21 às 11:40h - 109 visualizações Rádio Inajá FM

Link da Notícia:
Compartilhe
   

Um caminhoneiro de 41 anos foi preso em flagrante por cárcere privado e violência doméstica depois que a mulher dele, de 38 anos, pediu socorro nas redes sociais. Ele foi detido na tarde de quinta-feira (25), na altura do quilômetro 78 da BR-153, em Bady Bassitt (SP).

Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), os policiais receberam o compartilhamento das postagens da mulher, que afirmou que era agredida pelo companheiro.

Ainda de acordo com a polícia, o casal é de Anápolis (GO) e seguia de Santa Catarina até Brasília (DF) com carga de madeira em um caminhão.


A partir do número da placa do veículo e do relato da mulher, os policiais abordaram o caminhão em Bady Bassitt. A vítima apresentava sinais de violência no rosto e afirmou que era agredida pelo homem.


O caminhoneiro foi levado à delegacia da cidade, onde foi preso em flagrante por cárcere privado e violência doméstica. Ainda conforme a PRF, ele era investigado em outros inquéritos pelo mesmo crime, mas não havia medida protetiva contra o agressor.

A mulher passou por exame de corpo de delito, foi ouvida e liberada. O homem foi encaminhado à prisão.


Campanha "Sinal Vermelho"
A campanha para ajudar mulheres vítimas de violência doméstica foi lançada em junho de 2020, em parceria entre o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e a Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB).

Segundo o CNJ, a iniciativa é para ajudar mulheres em situação de violência a pedirem ajuda. Inicialmente, a campanha foi criada em parceria com farmácias do país. Porém, a campanha ganhou força em outros tipos de comércio e também nas redes sociais.

Conforme o Conselho, o protocolo é simples. A vítima deve fazer um “X” vermelho na palma da mão, que pode ser feito com caneta ou mesmo um batom. Com isso, a mulher sinaliza que está em situação de violência e recebe ajuda dos comerciantes, que devem acionar a polícia.

G1. 



ATENÇÃO: Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








No Ar
Peça sua Música

Pedir
Nenhuma registro encontrado
Recados

Enviar mensagem

Sergio Reis

toca Aí Ponto fraco de joão Bosco e vinicius...

cícera de Expedito

Mando um belo abraço para vocês, eu amo vocês e estou co...

Jean Rodrigues

Manda um alô para Gilberto Inajá em 2020...

Lucas

Oiiii já tocaram MC BB da sul, só consegui ligar a r&aacut...

jose paulo oliveira da silva

sou maribondo alagoas preciso encontra minha familia que moravam ai em inja...

Anna Carla Menezes

mande um alo pra galera de Recife. WADSON MENEZES, ZELIA. ESTAMOS SEMPRE CO...

celia soares

boa tarde querida!tudo na santa paz?bom trabalho e um fim de semana aben&cc...

Edson Ferreira de Araujo

mande um alô para minha mão severina e familiar na lagoa do ar...

Top Música
Nenhuma registro encontrado

Copyright (c) 2022 - Rádio Inajá FM - Todos os direitos reservados
site, tv, videos, video, radio online, radio, radio ao vivo, internet radio, webradio, online radio, ao vivo, musica, shows, top 10, music, entretenimento, lazer, áudio, rádio, música, promocoes, canais, noticias, Streaming, Enquetes, Noticias,mp3,Blog, Eventos, Propaganda, Anuncie, Computador, Diversão e Arte, Internet, Jogos, Rádios e TVs, Tempo e Trânsito, Últimas Notícias, informação, notícia, cultura, entretenimento, lazer, opinião, análise, jogos, Bandas, Banda, Novos Talentos, televisão, arte, som, áudio, rádio, Música, música, Rádio E TV, Propaganda, Entretenimento, Webradio, CD