Seja bem vindo ao nosso site Rádio Inajá FM!

Alagoas

Mãe se torna ré no caso Ana Beatriz, de 6 anos, que foi estuprada e morta em Maravilha, AL

Justiça aceita denúncia e mãe da vítima pode ser condenada pelo crime de abandono de incapaz. Ela tem 10 dias para apresentar defesa.

Publicada em 29/10/20 às 14:21h - 184 visualizações Rádio Inajá FM

Link da Notícia:
Compartilhe
   

A Justiça aceitou a denúncia oferecida pelo Ministério Público do Estado de Alagoas (MP-AL) contra a mãe da menina Ana Beatriz, de 6 anos, que foi estuprada e morta por estrangulamento em Maravilha, no interior de Alagoas. Com isso ela se tornou ré no processo sendo acusada pelo crime de abandono de incapaz e pode ir a julgamento. A informação foi confirmada pelo Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ-AL) nesta quarta-feira (28).

A denúncia foi aceita pelo juiz Leandro de Castro Folly no dia 16 de outubro. De acordo com a decisão, o juiz entendeu que o recebimento da denúncia oferecida configura uma justa causa necessária.

“No mais, os pressupostos de admissibilidade dispostos no artigo 41 do CPP encontram-se devidamente delineados, uma vez que narrada toda a conduta delitiva, com todas as suas circunstâncias, qualificado o suposto autor do fato, classificado o crime e apresentado rol de testemunhas, a configurar a justa causa necessária para o recebimento da denúncia oferecida”, diz o juiz na decisão.

O TJ-AL explicou à reportagem do G1 será iniciada a instrução processual e no final de todo o processo o juiz vai decidir se acata os argumentos apresentados pelo Ministério Público ou inocenta a mãe.


A ré tem o prazo de 10 dias para se defender da acusação. Caso contrário será intimado o Defensor Público atuante na Vara para fazer a defesa técnica.

Segundo as investigações, Ana Beatriz estava na rua por volta das 3h da madrugada com a mãe e outras pessoas e o criminoso estava entre elas. O MP-AL ofereceu a denúncia à Justiça por acreditar que a família também deve ser responsabilizada por negligência.

O corpo da criança foi encontrado no dia 6 de agosto dentro de um saco em cima do telhado da casa onde o acusado morava. Ele é vizinho da vítima e foi preso no mesmo dia do crime. Em depoimento, ele relatou que não lembrava de nada porque estava sob efeito de drogas.

G1 AL.




ATENÇÃO: Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nenhuma programação cadastrada
para esse horário
Peça sua Música

Pedir
Nenhuma registro encontrado
Recados

Enviar mensagem

Sergio Reis

toca Aí Ponto fraco de joão Bosco e vinicius...

cícera de Expedito

Mando um belo abraço para vocês, eu amo vocês e estou co...

Jean Rodrigues

Manda um alô para Gilberto Inajá em 2020...

Lucas

Oiiii já tocaram MC BB da sul, só consegui ligar a r&aacut...

jose paulo oliveira da silva

sou maribondo alagoas preciso encontra minha familia que moravam ai em inja...

Anna Carla Menezes

mande um alo pra galera de Recife. WADSON MENEZES, ZELIA. ESTAMOS SEMPRE CO...

celia soares

boa tarde querida!tudo na santa paz?bom trabalho e um fim de semana aben&cc...

Edson Ferreira de Araujo

mande um alô para minha mão severina e familiar na lagoa do ar...

Top Música
Nenhuma registro encontrado

Copyright (c) 2022 - Rádio Inajá FM - Todos os direitos reservados
site, tv, videos, video, radio online, radio, radio ao vivo, internet radio, webradio, online radio, ao vivo, musica, shows, top 10, music, entretenimento, lazer, áudio, rádio, música, promocoes, canais, noticias, Streaming, Enquetes, Noticias,mp3,Blog, Eventos, Propaganda, Anuncie, Computador, Diversão e Arte, Internet, Jogos, Rádios e TVs, Tempo e Trânsito, Últimas Notícias, informação, notícia, cultura, entretenimento, lazer, opinião, análise, jogos, Bandas, Banda, Novos Talentos, televisão, arte, som, áudio, rádio, Música, música, Rádio E TV, Propaganda, Entretenimento, Webradio, CD